6 dicas de marketing para médicos na internet

O marketing para médicos, ou melhor, o marketing digital para médicos é, sem dúvida, uma das melhores ferramentas de divulgação da atualidade. Sabe por quê?

Simplesmente porque com a internet, o comportamento dos pacientes vem mudando. Certamente você, como profissional da saúde, deve ter pacientes que, antes de irem ao seu consultório, realizaram algumas pesquisas pela internet baseado nos sintomas e chegaram a você com um mínimo de informações – mesmo que equivocadas.

Nesse sentido, o marketing para médicos na internet é um tipo de marketing em que os profissionais da saúde vão ao encontro das necessidades dos clientes por meio de informações de qualidade e veracidade. Com isso, os profissionais vão ganhando autoridade nos meios digitais e conquistam clientes fiéis.

Portanto, no post de hoje vamos dar 6 dicas de marketing para médicos. Leia atentamente:

Dica 1: invista em um site atrativo

Como o centro do marketing digital está nas pesquisas que as pessoas fazem na internet utilizando buscadores com o Google, é fundamental que o profissional tenha um site atrativo e mobile, ou seja, adaptado para vários tamanhos de tela.

Isso porque o público que pesquisa por assuntos relacionados à saúde querem encontrar sites confiáveis, bem feitos e com um conteúdo de credibilidade. Também buscam por informações mais completas e sólidas sobre o serviço – o que geralmente não é encontrado em redes sociais, por exemplo.

Portanto, é muito importante que o marketing para médicos no site encante e estimule a conversão. Ou seja, o objetivo final da estratégia, que pode ser a marcação de uma consulta, entrar em contato com a clínica ou marcar um exame, dependendo do nicho em que o profissional atua.

Dica 2: invista em Adwords

Investir em Adwords significa investir em anúncios pela internet com o objetivo de o seu site aparecer entre as primeiras páginas do Google. Isso pode ser feito por meio do Google AdWords, e também em forma de posts patrocinados nas redes sociais, por meio do Facebook Ads, por exemplo.

Muitos empresários e profissionais liberais não sabem, mas o investimento em anúncios nos meios digitais apresenta mais vantagens por ter um custo menor em comparação às mídias tradicionais. Além disso, é possível segmentar bem o público-alvo e medir os resultados em tempo real – evitando o desperdício de verba.

Dica 3: compreenda quais são os resultados do marketing para médicos nos meios digitais

Muitas pessoas pensam que os resultados em marketing digital são conquistados rapidamente. Mas o fato é que, antes de tudo, é preciso “preparar o terreno” para conquistar a confiança do público, ainda mais com tanta concorrência. Mas como?

Por meio de geração de conteúdos relevantes e baseados em várias técnicas e formatos – que podem ser blog posts, vídeos, infográficos, etc. Tudo para se colocar no lugar do cliente/paciente e oferecer o que ele procura e necessita – essa é justamente a nossa próxima dica.

Dica 4: demonstre conhecimento por meio de um blog

Como dito acima, produzir conteúdo de qualidade é uma estratégia fundamental do marketing para médicos. Mas aqui é preciso ter um certo cuidado: não se deve passar a solução ao público, mas sim orientá-lo.

Isso porque o público costuma buscar na internet seus sintomas e problemas, e é nesse ponto que eles podem adquirir conhecimentos em seu site e serem orientados a marcar uma consulta – que é a finalidade da estratégia.

Aliás, vale a pena lembrar: como a prática do marketing médico é regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina, não se deve prescrever ou realizar diagnósticos pela internet – apenas orientar o paciente sobre os sintomas e indicar que ele busque uma consulta pessoalmente.

Dica 5: realize parcerias

Uma boa dica de marketing para médicos é realizar parcerias com colegas de profissão para melhorar o alcance do público no site e os resultados.

Isso porque uma pessoa pode entrar no site por causa de um assunto específico e ser atraída para outros temas de áreas diferentes. A diversidade de informações torna o conteúdo mais completo.

Dica 6: esteja nas redes sociais

Nem é preciso dizer que as pessoas passam muito tempo das suas vidas nas redes sociais. Sabendo disso, cada vez mais as empresas e os profissionais liberais têm usado essas mídias para divulgarem seus produtos e serviços. Portanto, também crie sua página nas redes onde o seu público-alvo está.

Mas é sempre bom lembrar que é preciso ter cuidado e responsabilidade ao usar as mídias sociais como profissional da saúde, tais como:

  • evite selfies em suas páginas profissionais
  • não exiba fotos de seus pacientes, no estilo “antes e depois” (isso é proibido, mesmo que a pessoa autorize)
  • divulgar informações que alarmem a sociedade
  • anunciar aparelhagem como um diferencial do seu trabalho
  • se envolver em propaganda enganosa.

Agora que você ficou por dentro dessas 6 dicas de marketing para médicos, fique atento e comece já a planejar as suas estratégias.

Se ficou com dúvidas ou não sabe por onde começar, fale com a Deen. Até a próxima!

Deixe um comentário