5 tendências de vídeo marketing para e-commerce

Se você tem um e-commerce e ainda não adotou o vídeo marketing, esse post foi feito para você.

As pessoas já utilizam a internet em suas rotinas para pesquisar de tudo, o que inclui na hora de comprarem produtos. Quando elas se deparam com vídeos sobre esses produtos, ou seja, quando elas têm a chance de visualizarem eles antes da compra, a chance de vendas aumenta consideravelmente.

Prova disso são os números de uma pesquisa de 2018 da empresa estadunidense Husbpot, especialista em marketing digital. Segundo os resultados, 81% das pessoas já adquiriram um produto ou serviço logo após assistirem a um vídeo sobre ele.

Depois de um número tão expressivo assim, nada melhor do que você ficar por dentro de 5 tendências de vídeo marketing para o seu e-commerce.

Vamos lá:

1. Unboxing de produtos

 

 

Desde que surgiu no mercado, os vídeos de unboxing de produtos fazem sucesso e seguem tendência.

Quando o cliente já é potencial, o unboxing de produtos é certeiro, pois, na prática, eles têm a função de despertar a imaginação e o desejo imediato de compra pelo simples motivo de que o vídeo é construído, basicamente, no ato de desembalar o produto, ter as primeiras impressões e vasculhar seus recursos.

2. Tutorial

 

O desconhecimento quanto ao uso do produto pode ser uma das causas do não fechamento da venda, não é mesmo?

Mesmo que ele seja um produto simples, como uma maquiagem, por exemplo, pode fazer toda diferença se o consumidor conseguir visualizá-lo em pleno funcionamento – lembre-se que o cliente pode nunca ter usado uma, mas tem o desejo de comprar.

Isso sem falar no espaço de interação que você abre para seus clientes, que podem tirar mais dúvidas nos comentários. Isso vai de encontro a uma das mais poderosas estratégias de marketing: solucionar o problema do cliente – e nada melhor do que registrar em vídeo.

3. Vídeo marketing de produto

 

Outra tendência de vídeo marketing que segue firme é aquela tradicional propaganda do produto. Ele pode ser tanto curto, destacando as principais características e vantagens, quanto mais longo, com uma explicação mais detalhada dele.

Para que o resultado fique o mais profissional possível para sua marca, é importante que haja uma boa edição e utilização de recursos de animação para torná-lo interessante, interativo e compreensível pelo público.

4. Vídeos contextualizando os produtos do e-commerce

 

Esse tipo de vídeo marketing se difere do tutorial por ser menos um “passo a passo” e mais uma forma de mostrar o produto sendo usado no dia a dia do cliente.

Eis um exemplo: se você tem um e-commerce de roupas, pode criar vídeos com modelos utilizando os looks escolhidos no dia a dia – trabalho, lazer, passeio, praia, etc.

Isso desperta a imaginação do potencial cliente e o faz visualizar como as peças se encaixariam em suas rotinas. Ele, portanto, encontra as soluções sem nem perceber, de forma descontraída.

5. Vídeos de influenciadores

 

Quando o próprio e-commerce fala bem dos produtos que vende torna-se meio óbvio, não é mesmo?

Então, nada melhor do que o testemunho de pessoas que têm influência no mercado em que você atua – sim, estamos falando dos influencers, ou, influenciadores. O testemunho de alguém que o seu público conhece e admira pode ser até mesmo decisivo na compra.

Desde que feito de forma descontraída e com a linguagem desse público, os resultados são positivos para a marca, sem falar nas parcerias que podem surgir para aumentar ainda mais as vendas.

Aliás, neste post aqui a gente ensina várias dicas sobre o que você deve considerar ao contratar um influenciado digital.

E então, o que achou dessas 5 tendências de vídeo marketing para e-commerce? Se precisar de ajuda para planejar os seus, então clique aqui e fale com a Deen. Até a próxima!

Deixe um comentário